terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Eu não existo!

É isso mesmo, eu não existo!! Passo a explicar: em UK existem diversos apoios que se podem pedir ao estado devido a termos uma criança. Fazendo uma analogia, é aquilo que chamamos de abono em Portugal dado pela Segurança Social. Desde setembro do ano passado fiz esse pedido, o valor que nos é atribuído difere consoante o nosso ordenado e algumas despesas. UK é conhecido pelos valores ótimos que nos dão, mas a verdade é que não sei dizer, porque ainda não recebi nada. Em Portugal não tive direito a nada, devido ao meu ordenado, inclusivamente quando fiz o pedido, escreveram-me a dizer e passo a transcrever :"está incluída no 4º escalão, tendo direito a 0 €". Achei que era uma piada, porque o meu ordenado não era nenhum milagre e tinha o meu companheiro desempregado. Aqui em UK, cumpro todos os requesitos para colocar os papéis e apesar de não ser nacionalidade inglesa, o governo dá apoios. Mas, o que acontece é que obviamente antes deles darem qualquer valor, têm de comprovar alguns factos tais como: se a nossa identidade é verdadeira, se realmente temos aquele filho que declaramos, moradas, ordenados e se recebemos qualquer valor do nosso pais de origem. É claro que eu compreendo perfeitamente, tentam evitar que exista fraude e assim o sistema funcionar bem como uma máquina oleada.
O contacto que o governo inglês tem feito com o do português tem sido exaustivo e disso não me posso queixar. Pois bem, Portugal apesar UK ter enviado toda a minha documentação diz que eu não existo nos registos do meu pais de origem! Fiz prova de tudo e mais alguma coisa, UK sabe que estou a dizer a verdade mas Portugal insiste em afirmar que não existo. Vejam bem a panóplia de documentos que eu já enviei: cerificado de nascimento, passaporte, cartão único, IRS, escritura de casa, documento de IMI das finanças e carta condução.Vou lembrar aos senhores portugueses que eles não se esquecem de me mandar as contas do IMI e IRS, aí eu já existo!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário